JOGOS OLIMPICOS DE SOCHI ... : “RÚSSIA RECUPERA PRESTÍGIO DOS TEMPOS DA VELHA UNIÃO SOVIÉTICA.”

Por : Pettersen Filho

 

Bem diferente dos Tempos da Guerra Fria, que contrapunha o Capitalismo Ocidental, leia-se Estados Unidos, e o Comunismo Oriental, capitaneado pela Velha União Soviética, quem soçobrou no inicio dos Anos Noventa, do Século Passado, levando consigo a “Lenda Marxista” da Igualdade de Classes e do Materialismo Histórico, completamente pulverizados pela “Vida Real”, tem curso na Rússia, justamente na Região do Mar Negro e das Províncias Rebeldes Islâmicas, no Sul do País, os Jogos Olímpicos de Inverno, sob batuta do medo de atentados e da suposta Guerra Civil, em curso, sufocada na Rússia de Vladimir Putim, Mandatário Mor da Nação, Ex-agente da KGB, a temida Polícia Secreta Russa, ao tempo da Ex-URSS, tão depauperada, desde a queda do Muro de Berlim, e do próprio Regime Comunista.

 

 

Ferramenta já utilizada pela Baixa Política Internacional, ainda em plena Guerra Fria, em 1980, no Esporte, quando, por Hipócrita Ideologia, ou Pragmatismo Político, os EUA boicotaram os Jogos Olímpicos de Moscou, na então URSS, o que se temia, em Sochi, era a eclosão aberta de Conflitos, Atentados, e Proibidas Paradas Gays, ante a recente Lei Russa que proíbe o Homossexualismo no País.

 

Contudo, diferente dos Atletas Superdotados, Bombados e Otimizados, à base de Anabolizantes, e pesados investimentos Estatais, ou Corporativos, tipo Klemilim, ou Coca-cola Company, seja pelo Estatismo Soviético, ou pelo Capitalismo Americano, a Rússia, nem de longe estampa ser aquela, outrora, Potencia Olímpica, e nem tampouco, os EUA, alheios a promiscuidade antiga que aliava Esporte & Política, da Guerra Fria, também não são mais onissonoros.

 

Onissonora é, ademais, a aparente habilidade, e notório esplendor, dos tais Jogos de Sochi, onde, ao que se saiba, embora estejam os disputantes, tal qual na ultrapassada Guerra Fria, Estados Unidos e Rússia, cada um em sua trincheira, disputando, ainda, os mesmos, antigos Territórios, e a eterna Diáspora Humana, na Síria, Venezuela ou na Ucrânia, tramando a Queda, ou Sublevação de Regimes, atrás de mais Poder, tanto agora, como antes, o que se vê em Sochi é uma Rússia revigorada, completamente apta a assumir seu Novo Lugar no Mundo, em que não são mais os EUA a única Potência Hegemônica, e nem mais, os absolutos “Senhores do Mundo...”

 

Isso é Sochi,  e a Nova Ordem Mundial, com acento na História para o Caudilho Russo: Vladimir Putim, erigido à condição de inquestionável Líder Mundial.

 

ANTUÉRPIO PETTERSEN FILHO, MEMBRO DA IWA – INTERNATIONAL WRITERS AND ARTISTS ASSOCIATION É ADVOGADO MILITANTE E ASSESSOR JURÍDICO DA ABDIC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE DEFESA DO INDIVÍDUO E DA CIDADANIA, QUE ORA ESCREVE NA QUALIDADE DE EDITOR DO PERIÓDICO ELETRÔNICO “ JORNAL GRITO CIDADÃO”, SENDO A ATUAL CRÔNICA SUA MERA OPINIÃO PESSOAL, NÃO SIGNIFICANDO NECESSARIAMENTE A POSIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO, NEM DO ADVOGADO.