COPA FIFA 2014 :" A CBF NA MARCA DOS PÊNALTIS..."

  • Imprimir

Por : Pettersen Filho

 Comandante-em-chefe da Seleção Brasileira, numa espécie hibrida de Generalato, conferido pelo atual “Esquema” que rege o Futebol Brasileiro, desde o sempre, assim como é composta, patriarcalmente a CBF – Confederação Brasileira de Futebol, através do que a FIFA – Federação Internacional de Futebol Association, também, em certa medida, se apoderou do Brasil, o Técnico de Futebol Luis Felipe Scollari, e qualquer um que venha substituir-lhe, detém tal “”Poder”, que, mesmo vexatoriamente vencido, humilhado, aniquilado, completamente ridicularizado, pela Alemanha juntamente com o seu “Time de Estrelas”, e toda a Nação Brasileira, num fatídico 7 x 1, que, mesmo passada mais de uma semana, até hoje não-assimilado, sequer admite “Falha”, sua, ou no Esquema que o levou ao Poder, e, também, à desgraça total, dizendo: “Não sei o que aconteceu...”, fazendo-nos, a nós todos, Brasileiros, duplamente babacas.

 

 

Ditador absoluto, Dono, exclusivo, e único, quero crer, das Convicções que o levam a convocar, esse, ou aquele jogador, armar essa, ou aquela estratégia de jogo, ainda que nos bastidores se fale que esse, ou aquele jogador, foi convocado, ou escalado, por pressão desse, ou daquele Patrocinador, entenda-se, empresas do calado da Addidas, Nike ou Coca-cola Company e Barcelona Futebol Clube, no que é, novamente, diga-se de passagem, Soberano, que, razão alguma lhe assiste, ao eleger, naquela Fatídica Partida, um “Posicionamento Tático” ridículo, embora sendo uma Seleção aparentemente Inferior à Alemanha, sem uma Defesa Consistente, e um Meio de Campo Articulado, partindo para cima da Alemanha, tomando quatro gols seguidos, em menos de quatro minutos, no que assumiu, ou deveria tê-lo feito, plena responsabilidade e risco...

 

Contudo, passada mais de uma semana, ao contrário do que manda a Tradição, em que o Comandante afunda com o seu Navio, apoiado pelo “Esquema” que rege a CBF, e por quê não dizer pela Mídia Empresa, no Brasil, de olho nos Patrocinadores, ainda assim, manteve-se firme no Leme, ainda para a Partida com a Holanda, pelo 4ª Lugar, lição, mudança alguma, sendo-nos passada do Desastre, maior humilhação do Futebol Brasileiro em cerca de Cem Anos de Futebol, anunciando que:  “Tudo, fatalmente, será como dantes, na Terra dos Abrantes”, desde que o Futebol, antiga atividade de Lazer, perpetrada nos campinhos e várzeas do interior brasileiro, profissionalizou-se, e ganhou as Arenas de Futebol, completamente mancomunado com o Poder Vigente e o Status Quo.

 

 Espetáculo, realmente, diário, o Futebol funciona como uma espécie anômala de Amortecedor Social, impulsionado e manipulado pela Mídia, misturando, nas filas, nos bares e nos lotações repletos: índios, bichas, putas, pretos e brancos, Fenômeno do que, muito bem, se utilizam nossos briosos Políticos.

 

Coliseus Modernos, no caso do Brasil, em que  a toque de muito verniz e cal branco, gastou-se colossais somas, desviadas da Assistência Social, para fazer de novo o mesmo, tanto aqui, como em Berlim, Roma, Londres, Rio de janeiro ou São Paulo, Estádios apresentados como Novos, simples maquiagem de velhos Estádios, agora batizados de “Arenas”, são eles, certamente, o “Pão e o Circo Romano”, tão bem amassado pelos Cesares, já na Roma Antiga, enquanto dava às Feras, para comer, os Cristãos.

 

Fosse, entretanto, o Senhor Felipe Scolari pessoa digna, minimamente patriota, já, minutos após o jogo, teria jogado ao chão a toalha, ao invés de prestar desculpas esfarrapadas, junto com o seu “Time de Estrelas”, quase todos “Jogadores de Futebol” sediados no Estrangeiro, que, a bem do Futebol Brasileiro, para efeitos de Escalação, minimamente, diante do Conflito de Interesses, e da Fortuna que acumulam, graças a Contratos Milionários com alguns Patrocinadores, da própria Copa, deveriam guardar Quarentena de, pelo menos, um ano, jogando e vivendo, efetivamente, no Brasil, para serem convocados, demonstrando um mínimo de fervor e patriotismo, completamente ausentes no tal jogo.

 

Por isso: “Fora já Felipão, e toda CBF, com seu esquema corrupto de Poder !”

 

Leia também sobre o tema: http://www.abdic.org.br/index.php/305-7-x-1-blitzkriieg-alema-fulmina-o-brazil

 

ANTUÉRPIO PETTERSEN FILHO, MEMBRO DA IWA – INTERNATIONAL WRITERS AND ARTISTS ASSOCIATION É ADVOGADO MILITANTE E ASSESSOR JURÍDICO DA ABDIC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE DEFESA DO INDIVÍDUO E DA CIDADANIA, QUE ORA ESCREVE NA QUALIDADE DE EDITOR DO PERIÓDICO ELETRÔNICO “ JORNAL GRITO CIDADÃO”, SENDO A ATUAL CRÔNICA SUA MERA OPINIÃO PESSOAL, NÃO SIGNIFICANDO NECESSARIAMENTE A POSIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO, NEM DO ADVOGADO.