BOICOTE AOS RUSSOS : “QUANDO CHUMBO TROCADO NÃO DOI...”

Por : Pettersen Filho

Demonstrando que o Mundo atual, pós Segunda Grande Guerra Mundial, quando foram redefinidas as Fronteiras Europeias e aclaradas as Independências Africanas e Asiáticas, Oriente Médio inclusive, aniquilando o Colonialismo Europeu, passando pelo fim da União Soviética, em 1991, oportunidade em que os seus Satélites do Leste Europeu, Polônia, Tchecoslováquia, Iugoslávia, entre outros, passaram para órbita de influência do Ocidente, a Rússia, grande sucessora do que um dia fora a URSS – União das Repúblicas Soviéticas, acaba de confrontar a poderosa, e inabalável, Aliança Atlântica, havida entre Europa e USA, e a própria OTAN – Aliança do Atlântico Norte, em razão da “Crise da Ucrânia”, imposta pelos primeiros, dando vazão à agressão sofrida pela Europa e USA, via Boicote às Autoridades e Setores Econômico-financeiros da Economia Russa, passando a Boicotar, também, a Europa e os EUA, numa escalada ascendente, Setores da Economia Américo-europeia, bloqueando a entrada em Território Russo de Carne, Aves e Agrícolas vindos daquela procedência.

 

 

 

Pais com mais de Duas Centenas de Milhões de Pessoas, de vasto Território, dos maiores do Planeta, inegavelmente, Potência Industrial, mesmo que adormecida, Mercado Consumidor importante, Grande Produtor de Gás, fornecido à própria Europa, e, ainda Potência Militar, presunçosamente, tratado pelos primeiros como um simples Irã, ou Coreia do Norte, circunscritos em suas respectivas fronteiras, que não podem, mais do que, pronunciar, tão somente, “Ofensas Retóricas” contra o “Grande Satã”, como é denominada a Política Imperialista dos EUA, e Europa, na Região, para os quais, como se fosse uma mera “Cuba”, ou “República das Bananas” da América Central, objeto de implacável Bloqueio Comercial há mais de Seis Décadas,  a Rússia, no entanto, mais sintonizada com o Mundo atual, Pós-URSS, é Membro ativo dos BRIC`s, Organismo Multilateral, quem acaba de ganhar personalidade jurídica, com a Criação do seu próprio Banco Mundial, dos BRIC`s, e Fundo de Reserva, em associação com Brasil, China, África do Sul, e a própria Rússia, refletindo a nova existência de um Mundo que, não se prende mais aos contornos, e ditames, do Velho Continente, e o seu” Grande Mentor”, os EUA, do outro lado do Oceano Atlântico, acostumados, sem oposição, à Diplomacia dos Canhões, que ainda não ousaram contra a Rússia, quando não, ao Confisco Financeiro, já intentado.

 

Assim é que, nem bem anunciadas as “Medidas Europeias”, a Rússia apressou-se, junto com a China, quem já vê as “Barbas do Vizinho” Asiático de Molho, prometendo ser, ela mesmo, a China, a outra “Bola da Vez”, lançados pelo intento do Boicote aos Russos, acabam de fechar Acordo Quadritrilhonário, em Rublos e Iuan, e não em Dollares, ou Euro, “Golpe Fatal” contra a União Atlântica, para o Fornecimento mutuo de Gás, em alternativa ao possível, e improvável, Boicote Europeu ao Gás Russo.

 

Assim é que, sentindo o Torniquete apertar em seu pescoço, tão logo derrubado o Governo Ucraniano Pró-russia, pelo apoio, e ingerência, da Aliança Atlântica, Vladimir Putim, Velha Raposa Russa, dos tempos da KGB, mais do que, apressou-se, em consolidar a antiga ambição dos BRIC`s, uma “Aliança Econômica”, o que pode ser o embrião de uma possível, futura, Aliança Militar, minimamente, entre China e Rússia, para contrabalançar a Aliança Atlântica, na Área e no Pacifico, quando conceberam a União Financeira, via Banco e Fundo, agora, ao impor o Boicote às Compras Europeias de Agrícolas e Carnes, aproxima-se da América do Sul, Brasil, Argentina, Chile e Equador, listando-os como novos fornecedores preferenciais de Carne, Aves e Frutas, o que significa uma Represália inicial à Aliança, justamente agora, quando parece tomar novo impulso a possível União Aduaneira entre Mercosul e Europa, o que pode ser um duro Golpe aos interesses Europeus.

 

Verbalizando, também, uma possível Aliança Comercial Europa/EUA, “Mercado Comum” entre si, em favor da criação de uma União Aduaneira, ao meu ver inócua, posto que Economias Análogas, como o são a Europa e USA, não vejo muita gama de produtos que podem trocar Europa e USA, tais como carro americano x carro europeu, químicos americanos x químicos europeus, ou, que vantagem levaria, por exemplo ,a Arbus Europeia x a Boeing Americana, ao tomarem, uma o Mercado da outra, ao contrário da Rússia, ou China x América do Sul, ou Brasil, em que as Economias se complementam, sendo uns fornecedores potenciais de comodites e matéria prima, e, outros, potenciais Mercados para consumo de Produtos Industriais, o que, sim, faz sentido. E é, de fato, a grande pretensão Europeia, ao aproximar-se do Mercosul.

 

Penso, sim, que enquanto não rugem os canhões, ou a Hecatombe Atômica, na Europa, pela Ucrânia, colocando em combate, Europeus e Russos, enquanto, do outro lado do Atlântico, como sempre fizeram, na 1ª e 2ª Guerra Mundial, os EUA deitam e rolam, do Inferno que causaram, sem jamais terem sido atingidos no seu Solo Continental, quem ganhará no embate serão os Frigoríficos e Fazendas de Soja do Brasil, Argentina, e as Peixarias e Pomares do Chile e Equador, com mais e mais exportações aos Russos, rompendo o “Cordão Umbilical” que sempre os prendeu à Europa e USA, criando, para si, uma opção, qual não seja o Fim do Mundo, mas, os BRIC`s !???

 

 

ANTUÉRPIO PETTERSEN FILHO, MEMBRO DA IWA – INTERNATIONAL WRITERS AND ARTISTS ASSOCIATION É ADVOGADO MILITANTE E ASSESSOR JURÍDICO DA ABDIC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE DEFESA DO INDIVÍDUO E DA CIDADANIA, QUE ORA ESCREVE NA QUALIDADE DE EDITOR DO PERIÓDICO ELETRÔNICO “ JORNAL GRITO CIDADÃO”, SENDO A ATUAL CRÔNICA SUA MERA OPINIÃO PESSOAL, NÃO SIGNIFICANDO NECESSARIAMENTE A POSIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO, NEM DO ADVOGADO

 

 

DEFESA DO CONSUMIDOR – CIDADANIA - PEQUENAS CAUSAS CIVEIS ???

  

“DIVULGUE NOSSO TRABALHO PARA QUE NÓS TAMBÉM DIVULGUEMOS VOCÊ”

REPASSE ESSE E-MAIL A UM AMIGO !